Modelo de Currículo








 
Modelo de Currículo
Como fazer um Currículo e uma Carta de Apresentação
Certo x Errado: O que colocar no currículo
Como se portar em uma entrevista de emprego?
Estagiário e Trainee
Fale Conosco
Mapa do site




   
 




Estagiário e Trainee
Estagiário

estagiario.jpgO estágio é um trabalho exercido por estudantes e, principalmente, por quem faz graduação. Seu objetivo maior é aprimorar o conhecimento do estudante na área em que ele está se especializando, para que coloque em prática o que tem aprendido na teoria. É como um treinamento, uma fase de aprendizado. Algumas universidades exigem o estágio obrigatório, que é requisito para a certificação do aluno. Já o não obrigatório, depende do aluno querer ter experiência ou não.

Essa é uma fase muito importante para os universitários, pois quando se formam, já possuem boas experiências para se inserir no mercado de trabalho. Com certeza, as empresas preferem contratar profissionais que já tenham realizado algum tipo de atividade na área.

Além disso, é uma oportunidade do estudante já garantir sua vaga, pois muitos que começam como estagiários, acabam sendo contratados.

Mas para quem pensa que arrumar um estágio é fácil, está totalmente enganado! Hoje em dia, a concorrência é muito grande e muitos se formam sem se quer ter  conseguido uma vaguinha. Mas há estágios e estágios. Algumas empresas e órgãos contratam estagiários para que possam fazer trabalhos simples e que não têm nada a ver com a área ou, então, para não fazer praticamente nada. É comum ouvir relatos de estagiários que vão ao local de trabalho somente para cumprir horas, porque não têm nada para fazer. Porém, existem também as empresas que, de certa forma, “exploram” o estagiário, principalmente as mais conhecidas, pois sabem que muitos estudantes sonham em conseguir uma vaguinha por lá. Dessa forma, sobrecarregam-lhes de trabalho, fazem com que trabalhem mais horas do que o combinado, entre outros. E existe, também, o estágio, digamos “normal”, em que o estagiário realiza atividades de sua área, não fica sem nada para fazer, mas também não é exigido demais.

Entretanto, também existem estudantes que vão em busca de um estágio apenas pela remuneração. Porém, é necessário que tenham a consciência do papel que o estágio exerce sobre a vida profissional, para que o realizem com responsabilidade. O aluno que busca por um estágio desde cedo e que valoriza essa experiência, tem muito mais chances de sair da faculdade com emprego garantido, ou então de passar na frente de outros candidatos. Além disso, é uma boa forma de criar contatos e conhecer pessoas da área.

A postura profissional é necessária desde cedo.


Obs.: Todo estágio deve ser regido pela Lei Nº 11.788 de 25/09/2008.

Trainee

trainee.jpgO termo “trainee” se tornou muito comum nos últimos anos e até confundido com o “estagiário”. Mas, na verdade, os trainees são jovens que passam por um treinamento longo e bem estruturado para depois ocuparem cargos técnicos e até gerenciais. Uma das diferenças para o estágio é que o jovem não precisa estar, necessariamente, cursando o ensino superior. Além disso, para a maioria das empresas, o estagiário está ali como um “quebra-galho”. Se ele for embora, amanhã chegará outro que fará as mesmas coisas. Já no caso do trainee não: a empresa incentiva o desenvolvimento profissional, realiza um programa superestruturado de treinamento para que o funcionário possa começar assumindo cargos mais altos.

Os trainees possuem, em média, de 22 a 30 anos e geralmente, são recém-formados. Uma das exigências para se tornar um é dominar bem duas línguas estrangeiras.

Para saber se o desempenho de um trainee está satisfatório ou não, é preciso avaliar os seguintes itens:

- Maturidade;
- Qualidade dos trabalhos desenvolvidos;
- Capacidade de relacionamento com os tutores, outros trainees e com os demais funcionários da empresa;
- Comunicação;
- Flexibilidade;
- Capacidade de análise;
- Liderança.

*Itens retirados do livro “Programas de Estágios e Trainess – como montar e implantar”, de Ricardo Luz.

Utiliza-se o termo “trainee”, pois no português não há um termo específico que diga a mesma coisa; o mais próximo seria “Aprendiz Profissional”.